Economia

Mercado prevê alta do juro no 1º mês do governo Dilma

Da Redação ·
A primeira pesquisa Focus do Banco Central (BC) após a divulgação do Relatório Trimestral de Inflação de dezembro não trouxe alteração nas previsões do mercado para o comportamento da Selic (a taxa básica de juros da economia) em 2011. Pelas previsões dos analistas, o juro subirá 0,50 ponto porcentual no primeiro mês do governo de Dilma Rousseff, em janeiro de 2011, para 11,25% ao ano. Depois, seriam registradas altas nas duas reuniões seguintes: 0,50 ponto nos meses de março e abril. Assim, após as três primeiras reuniões com Alexandre Tombini na presidência do BC, o juro chegaria em 12,25% ao ano - patamar que seria mantido até o fim de 2011. Na mesma pesquisa, a expectativa para a Selic média no decorrer de 2011 seguiu em 12,06%, ante 11,78% de um mês atrás.
continua após publicidade