Economia

Lula comemora recorde de baixa da taxa de desemprego

Da Redação ·
Assim que foi informado por sua assessoria dos resultados do índice de desemprego de 5,7% anunciado hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez questão de comemorar o resultado, em plena reunião do Mercosul, acentuando que fenômeno semelhante deve estar acontecendo nos demais países da região. Ele comentou que, como alguém que viveu o movimento sindical das décadas de 1970 e 80, "não esperava estar vivo para ver uma notícia que acabo de receber o desemprego no Brasil é o menor da série histórica (5,7 %)". O presidente acrescentou que, quando era sindicalista, achava que estes índices só existiam em países desenvolvidos. Depois de salientar que precisava dar esta notícia na reunião do bloco, para "mostrar aos convidados estrangeiros os motivos do nosso otimismo", Lula prosseguiu: "isso está acontecendo aqui nas bandas do Mercosul, pelas bandas da América Latina e isso é uma conquista extraordinária".
continua após publicidade