Economia

Número de celulares atinge 191,5 milhões em setembro

Da Redação ·

A base de telefones celulares no Brasil cresceu 1,08% em setembro em relação a agosto e chegou a 191,5 milhões, segundo informou a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) nesta sexta-feira (22).

continua após publicidade

Em setembro, o país ganhou 2 milhões de novas linhas, fazendo a penetração da telefonia móvel subir para 98,98% da população - contra 97,96% em agosto. Dos acessos móveis, 82,14% são pré-pagos e os demais, pós-pagos.

continua após publicidade

De janeiro a setembro, a quantidade de novas linhas chegou a 17,5 milhões, a segunda maior já registrada para o período - atrás apenas do número de novas habilitações de janeiro a setembro de 2008. A Anatel divulga a evolução do número de celulares desde 2000.

continua após publicidade

A Vivo terminou setembro com 30,14% de participação de mercado, contra 30,23% em agosto. A empresa tem um total de 57,7 milhões de clientes.

A Claro terminou o mês passado com 25,47% do mercado, contra 25,43% em agosto. A empresa tem 48,8 milhões de assinantes.

continua após publicidade

Entre as quatro maiores operadoras, a TIM teve o maior ganho de participação no mercado do período. No fim de setembro, a operadora tinha 24,52% de participação de mercado, contra 24,25% em agosto, totalizando 46,9 milhões de usuários.

continua após publicidade

A Oi encerrou o mês passado com 19,51% de participação de mercado, abaixo dos 19,74% em agosto, com quase 37,4 milhões de clientes.

Copyright Thomson Reuters 2009