Economia

Miguel Jorge aprova preço de barril na capitalização

Da Redação ·

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge, disse hoje que o preço médio de US$ 8,51 por barril de petróleo do pré-sal, no contrato de cessão onerosa à Petrobras, é justo. O valor foi anunciado ontem pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega. "Acho que o preço foi justo, até mesmo porque foi definido de acordo com duas consultorias internacionais, feitas por especialistas da área", disse.

continua após publicidade

Para o ministro, o índice mínimo de 37% de conteúdo local na fase de exploração das reservas é razoável, pois o País não teria condições de fornecer equipamentos e serviços com uma participação maior no primeiro momento. Na fase de implantação dos projetos, porém, os índices de nacionalização são maiores: mínimo de 55%, com média de 65%.

continua após publicidade

"É (um porcentual) razoável. Não poderia ter um porcentual muito alto para começar, porque se fosse 60% no primeiro ano, as empresas brasileiras não conseguiriam atingir esse patamar", acrescentou. "Pela escala, determinados equipamentos nem mesmo devem ser fabricados no País, pois não seria viável", completou.