Economia

Produtores de trigo do Paraná pedem intervenção no mercado

Da Redação ·
A ausência de chuva favorece o avanço da colheita do trigo no Paraná e os preços recebidos pelos produtores caem diariamente - Foto: Ivan Maldonado
A ausência de chuva favorece o avanço da colheita do trigo no Paraná e os preços recebidos pelos produtores caem diariamente - Foto: Ivan Maldonado

A ausência de chuva favorece o avanço da colheita do trigo no Paraná e os preços recebidos pelos produtores caem diariamente e já chegaram na média de R$ 36,50 a saca, valor inferior ao preço mínimo de R$ 38,65 a saca do tipo 1, classe pão, e também do custo operacional de produção.

continua após publicidade

Em decorrência da queda do preço, a Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar) e a (Federação da Agricultura do Paraná (FAEP) pediram a intervenção do governo no mercado via Premio Equalizador Pago ao Produtor (PEPRO), com montante inicial de 500.000 toneladas, para assegurar aos produtores o recebimento dos preços mínimos e a sustentação da renda.

De acordo com o professor Eugênio Stefanelo, da UFPR e da FAE Business School, a  intervenção do governo é fundamental para evitar a repetição do ciclo alta produção e baixo preço seguido de redução da produção e elevação dos preços, que afeta produtores e nem os consumidores.

continua após publicidade

REUNIÃO
O Conselho Interministerial que autoriza esta intervenção do governo no mercado se reúne nesta tarde para tomar a decisão sobre o assunto.

As informações são do portal MassaNews