Economia

Venda de imóveis usados diminui no mês de junho

Da Redação ·
 Redução foi de 23,06% na comparação com maio e ocorreu em todas as regiões
fonte: googleimagens.com
Redução foi de 23,06% na comparação com maio e ocorreu em todas as regiões

A venda de imóveis usados no Estado de São Paulo diminuiu pela 1ª vez no mês de junho, após cinco meses de crescimento, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (13) pelo Creci-SP (Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo).

continua após publicidade

A redução foi de 23,06% na comparação com maio e ocorreu nas quatro regiões onde a pesquisa é feita: capital, interior, litoral, ABC e Região Metropolitana com 1.864 imobiliárias de 37 cidades do Estado.

continua após publicidade

Em junho, foram vendidos 1.380 casas e apartamentos, com um recuo do índice estadual de vendas, de 0,9623 em maio para 0,7403 em junho. A redução foi de 15,53% na capital, de 27,76% no interior, de 22,13% no litoral e de 26,44% nas cidades de Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Guarulhos e Osasco.

continua após publicidade

Os imóveis usados mais vendidos no período em São Paulo foram os apartamentos, com 52,19% do total. As casas ficaram com os restantes 47,81%. Na divisão das vendas por faixas de valor, a capital concentrou os negócios mais caros, com valor médio superior a R$ 200 mil que representam 73,95% dos imóveis.

Casas e apartamentos com preços de até R$ 160 mil foram os campeões de vendas no interior e nas cidades da região do ABC e metropolitana com 52,82% e 59,22% de representação respectivamente. No litoral, as vendas concentraram-se nos imóveis de até R$ 120 mil, com 52,08% do total de negócios efetivados pelas imobiliárias.