Economia

Richa diz que incentivo e confiança são atrativos do Paraná

Da Redação ·
Governador Beto Richa, acompanhado pelo presidente do Grupo Volvo América Latina, Claes Nilsson e do vice-presidente de Assuntos Corporativos, Carlos Morassuti, participa da inauguração de novos espaços na sede da empresa.Curitiba, 10/04/2015.Foto: Orlando Kissner/ANPr
Governador Beto Richa, acompanhado pelo presidente do Grupo Volvo América Latina, Claes Nilsson e do vice-presidente de Assuntos Corporativos, Carlos Morassuti, participa da inauguração de novos espaços na sede da empresa.Curitiba, 10/04/2015.Foto: Orlando Kissner/ANPr

O governador do Paraná, Beto Richam (PSDB), participou nesta sexta-feira (10), junto com o presidente do Grupo Volvo América Latina, Claes Nilsson, da inauguração de novos espaços da empresa, localizada na Cidade Industrial de Curitiba. Foram entregues a Casa do Cliente, o Centro de Treinamento e o novo prédio administrativo da montadora. Iniciada em 2010, a ampliação da unidade teve investimento de R$ 1,2 bilhão e contou com o apoio do Governo do Estado, por meio do programa Paraná Competitivo. 

Richa destacou a importância do Paraná Competitivo para a atração de novos investimentos e para a ampliação de empreendimentos já presentes no Estado. “O Paraná vive o maior ciclo industrial de sua história, graças aos programas governamentais de incentivo, ao fortalecimento da confiança no Estado e aos investimentos em infraestrutura e logística”, disse ele. “São elementos que fazem do Paraná um estado atrativo para os investidores que querem empreender com segurança e ter o poder público como parceiro”, afirmou. O governador afirmou que o investimento feito pela Volvo é um exemplo do desempenho do programa. “Os grandes investimentos que a Volvo faz, modernizando sua linha de produção, criam empregos e renda para os paranaenses e traz mais desenvolvimento ao nosso Estado”, disse Richa. 

PARCERIA - O vice-presidente de RH e Assuntos Corporativos da Volvo, Carlos Morassutti, destacou a parceria da Volvo com o Estado. “Fizemos investimentos expressivos na unidade de Curitiba e pretendemos, neste ato simbólico, reafirmar a intenção de continuar investindo no Estado”, afirmou. “Nós sempre acreditamos no Paraná e no segmento em que atuamos e, por isso, investimos aqui. Mantemos nosso olhar no futuro ao realizarmos mais investimentos nesta fábrica”, disse Morassutti. A sueca foi a primeira empresa automobilística a se instalar no Paraná, ainda na década de 1970. 

NOVOS ESPAÇOS - Com uma área de 6.500 metros quadrados, a Casa do Cliente é o maior centro de atendimento aos clientes da indústria automotiva brasileira. O complexo inclui um auditório multiuso com capacidade para até 800 pessoas, 25 salas de reuniões, uma sala de jantar para 400 pessoas, além de uma arena que abriga 150 pessoas para assistir a apresentações ao ar livre de caminhões e equipamentos de construção. A área conta, ainda, com duas pistas de testes, uma para veículos rodoviários e outra para caminhões off-road. 

“Toda esta estrutura, os investimentos e os esforços que estamos empreendendo aqui são para atender as demandas dos nossos clientes ”, afirma Claes Nilsson. A nova estrutura dobra a capacidade da Volvo para receber convidados em seu complexo industrial em Curitiba. A Casa do Cliente é usada para receber transportadores, técnicos e funcionários da rede de concessionárias Volvo distribuídos pelo Brasil e outros países da América Latina, incluindo convidados de outras partes do mundo.

O local também abriga um Centro de Treinamento, com salas para oficinas teóricas e práticas. É um espaço destinado ao treinamento de instrutores e mecânicos que atuam na rede de concessionárias da Volvo em todo o País, além de motoristas. O governador também conheceu um dos modelos da nova linha caminhões, lançada no ano passado, e que se destacam pelas inovações tecnológicas. ento e do Arla 32.

continua após publicidade