Economia

​Paraná tem queda de 15% na produção industrial, segundo o IBGE

Da Redação ·
Setor alimentício também registrou queda na produção, segundo o IBGE (Foto: Reprodução/ RPC)
Setor alimentício também registrou queda na produção, segundo o IBGE (Foto: Reprodução/ RPC)

A produção industrial do Paraná registrou queda de 15% em fevereiro deste ano, quando comparada com a verificada no mesmo período do ano passado.

continua após publicidade

De acordo com o levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta terça-feira (7), esta é retração mais intensa desde dezembro de 2012 na comparação mensal de um ano para o outro.

Este movimento descendente na produção industrial foi registrado nacionalmente. Das 15 regiões pesquisadas, 12 tiveram um desempenho negativo acarretando em uma queda média no país de 9%. Os técnicos destacam que fevereiro deste ano foi menor, com 18 dias úteis, contra 20 de 2014. Nesta comparação anual, conforme os dados do IBGE, 10 das 13 atividades monitoradas tiveram queda de produção.

continua após publicidade

A principal influência negativa, 42,7%, foi do setor de veículos automotores, reboques e carrocerias. Esse resultado ruim, de acordo com os técnicos, está associado a menor produção de automóveis, caminhão-trator para reboques e semirreboques e caminhões.

Vale citar também as reduções dos setores de alimentação, 11%, de produtos de minerais não-metálicos, 26%, e de móveis, 19,4%.

No caso do segmento alimentício, a redução foi influenciada pela menor produção de carnes e miudezas de aves congeladas, bombons e chocolates em barra, por exemplo. Ao se analisar os dados de fevereiro em relação a janeiro, a produção industrial paranaense teve um respiro. Após registrar duas reduções consecutivas – com retração acumulada de 6,9% – no segundo mês do ano, o setor avançou 2,4%. No acumulado do primeiro bimestre de 2015, o estado do Paraná teve recuo de 13,2% da produção industrial no confronto contra igual período do ano anterior, com nove dos treze setores pesquisados mostrando redução na produção.