Economia

No G20, países discutirão retomada do crescimento e prevenção de crises

Da Redação ·
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A reunião do G20, grupo das principais economias do mundo, que acontecerá em 15 e 16 de novembro na Austrália, terá como tema principal a retomada do crescimento da economia mundial, segundo informou o secretário de Assuntos Internacionais do Ministério da Fazenda, Carlos Cozendey, nesta sexta-feira (7), em Brasília.

continua após publicidade

"O primeiro tema da agenda é a situação da economia global. É onde vai se discutir a estratégia de crescimento dos países e a situação atual que demanda medidas mais imediatas para estimular o crescimento", declarou ele, acrescentando que os planos serão sobre medidas que possam aumentar o crescimento potencial dos países. "Do início do ano pra cá, as expectativas de crescimento não se realizaram, mesmo os Estados Unidos", disse Cozendey.

Os últimos dados mostram que, nos Estados Unidos, a economia começa a dar os primeiros sinais de aceleraração, mas os países da Europa, e o Japão, ainda se ressentem de baixo crescimento, assim como algumas economias em desenvolvimento, como o Brasil, que deverá ter expansão, segundo o mercado financeiro, abaixo de 0,3% em 2014 - o pior resultado desde 2009, quando houve retração de 0,33%.

continua após publicidade

De acordo com o secretário de Assuntos Internacionais do Ministério da Fazenda, serão retomadas as discussões sobre 900 medidas já apresentadas anteriormente por vários países para estimular a retomada do crescimento internacional. O objetivo geral é que a expansão seja dois pontos percentuais maior do que se as ações não fossem adotadas, dentro de cinco anos.

Confira matéria completa AQUI