Economia

Mercado imobiliário: Vendas de imóveis usados caem 7% em junho

Da Redação ·
Os lançamentos residenciais acumulados de janeiro a agosto totalizaram 14.448 unidades na capital paulista, uma retração de 23% ao mesmo período de 2013 - Foto: Divulgação
Os lançamentos residenciais acumulados de janeiro a agosto totalizaram 14.448 unidades na capital paulista, uma retração de 23% ao mesmo período de 2013 - Foto: Divulgação

SÃO PAULO, SP - Como ocorre com o segmento de apartamentos novos, o mercado de imóveis usados vive um momento de baixa na capital paulista.

continua após publicidade

As vendas de imóveis usados caíram 7,06% em junho em relação a maio no Estado de São Paulo, informou o Creci-SP (Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo).

Com esses resultados, a queda acumulada das vendas no semestre é de 28,81%.

continua após publicidade

O número de locações residenciais também baixou. Houve queda de 8,95% em junho, levando a um recuo de 25,42% de janeiro a junho, segundo a pesquisa, que foi realizada em imobiliárias de 37 cidades do Estado.

Para José Augusto Viana Neto, presidente do Creci-SP, esses números são resultado de uma fase de ajustamento no mercado.

"As famílias entraram pesado no crédito e no financiamento nos últimos anos e agora chegamos àquela fase em que se ajustam as expectativas à realidade do bolso, movimento que atinge todos os mercados de bens de maior valor", afirmou, em nota.

continua após publicidade

PREÇOS

Como resultado, o índice que engloba os preços de locação e venda de casas e apartamentos usados registrou resultado negativo de 4,71% em junho. No primeiro semestre, o índice acumula queda de 10,31%.

Para Viana Neto, os ganhos extras que as famílias deverão ter nos meses finais do ano, com bônus, prêmios por participação em resultado pagos pelas empresas e o 13º salário, podem levar a uma melhora no segmento de imóveis usados no Estado.

continua após publicidade

NOVOS

No caso dos imóveis novos, de janeiro a agosto, foram comercializadas 11.587 unidades na cidade de São Paulo, queda de 48,8% inferior ante o mesmo período do ano passado, conforme informou o Secovi-SP no último dia 3 de outubro.

Os lançamentos residenciais acumulados de janeiro a agosto totalizaram 14.448 unidades na capital paulista, uma retração de 23% ao mesmo período de 2013. Não há uma pesquisa mensal que englobe o mercado de imóveis em todo o Estado.