Economia

Flexibilização de moeda chinesa agrada Meirelles

Da Redação ·

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, considerou "bem vindo" o anúncio feito pelo governo da China com a possibilidade de uma flexibilização da cotação da moeda local, o yuan.

continua após publicidade

Segundo Meirelles, "o anúncio do banco central chinês, em direção à uma maior flutuação do yuan, é bem-vindo. Demonstra a disposição do governo da China de contribuir para um maior equilíbrio econômico global. Mas é preciso aguardar os próximos desdobramentos", afirmou o presidente do BC brasileiro.