Economia

Polícia Federal faz busca e apreensão em casa dos donos da Telexfree

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Polícia Federal faz busca e apreensão em casa dos donos da Telexfree
fonte: Foto: arquivo
Polícia Federal faz busca e apreensão em casa dos donos da Telexfree

SÃO PAULO, SP - A Polícia Federal realizou na manhã desta quinta-feira (24) três operações de busca e apreensão na casa do dono brasileiro da Telexfree, Carlos Wanzeler, do contador, que não teve o nome divulgado, e na sede da empresa no Espírito Santo.

continua após publicidade

Os mandatos foram obtidos pelo Ministério Público Federal do Estado na noite desta quarta-feira (23) e foram expedidos pela Justiça Federal do Estado.

O judiciário também determinou a quebra dos sigilos fiscal e bancário, além do bloqueio dos bens dos sócios da Telexfree, Wanzeler e o americano James Merrill.

continua após publicidade

O advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, lamentou a emissão dos mandatos, que haviam sido negados pela justiça estadual do Espírito Santo, segundo o advogado.

"São muitas investigações, em esferas diferentes, e que não se conversam. De qualquer forma, essa operação fere a imagem da companhia, mas não nos preocupa", diz.

"Queremos que a investigação ande o mais rápido possível para que a empresa possa voltar a funcionar um dia", conclui.

continua após publicidade


NO BRASIL

As operações da Telexfree foram bloqueadas em 2013, por tempo indeterminado, a pedido do Ministério Público do Acre.

A empresa é acusada de crime contra a economia popular por se basear em um esquema de pirâmide financeira.

continua após publicidade

Nos Estados Unidos corre uma investigação paralela. Lá, Wanzeler e Merrill são acusados de conspiração para cometer fraude eletrônica.

Em 30 de maio, a Corte de Falência do Estado de Massachusetts expediu decisão favorável ao pedido de recuperação judicial feito pela Telexfree.

continua após publicidade

A defesa entende que, ao ser aceito o pedido de recuperação judicial, a corte americana pode ter entendido que a atuação da companhia é lícita.

Em Massachusetts, Merril está sob liberdade condicional, sem poder deixar sua residência.

No Brasil, Wanzeler também é monitorado e não pode deixar o país.

Sua mulher, Kátia Wanzeler está em Massachusetts e não pode deixar o Estado.