Economia

Homens altos têm mais chances de serem presidentes de empresas, diz estudo

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Homens altos têm mais chances de serem presidentes de empresas, diz estudo
fonte: Foto: Arquivo
Homens altos têm mais chances de serem presidentes de empresas, diz estudo

SÃO PAULO, SP - Os presidentes-executivos de empresas são mais bem remunerados porque são mais espertos, mais equilibrados psicologicamente e mais altos do que a população em geral. É o que indica um estudo de Samuli Knüpfer, professor-assistente de finanças da London Business School.
Na pesquisa, ele acompanhou a trajetória de homens suecos nascidos entre 1952 e 1978 que estavam se alistando para o serviço militar e identificaram as características daqueles que vieram a se tornar presidentes-executivos de empresas suecas. A amostra incluiu 1,3 milhões de homens ­41 mil se tornaram executivos. De acordo com o professor, apesar de o estudo ter sido feito com suecos, os resultados podem ser aplicados em outros países.

continua após publicidade

Segundo o site do ‘Financial Times‘, o levantamento indicou que um presidente-executivo de uma grande empresa tem melhores habilidades cognitivas, como compressão verbal e técnica, e não cognitivas, como estabilidade emocional e independência. Ele é também mais alto do que cerca de 90% da população.

Sua remuneração é proporcionalmente maior quando comparado com outros profissionais, como médicos ou advogados. Entre irmãos homens, o irmão mais alto, tem mais chances de ocupar o cargo. A pesquisa segue outros estudos que mostraram que a altura está ligada ao sucesso. Em 2004, um estudo publicado no ‘Journal of Applied Psychology‘ indicou que cada centímetro acima da altura média de uma pessoa pode valer US$ 789 a mais por ano.

Isso pode ter raízes psicológicas ­ser mais alto faz com que a pessoa tenha mais autoestima, dizem os pesquisadores.