Economia

Micro e pequenos lojistas de SP podem vender para o Minha Casa Melhor

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 26 de junho (Folhapress) - Lançado este mês, o Minha Casa Melhor, programa que possibilita o acesso a uma linha de crédito para móveis e eletrodomésticos para beneficiários do programa do governo federal Minha Casa, Minha Vida, abre oportunidades também para micro e pequenos varejistas.

Segundo levantamento do Sebrae-SP, mais de 105 mil micro e pequenas empresas no Estado de São Paulo são aptas a vender para o programa.

O Minha Casa Melhor prevê uma movimentação na economia de R$ 17 bilhões e pretende montar uma rede de 13 mil lojas credenciadas.

Para ser uma dessas lojas e receber o selo do programa, o lojista deve procurar a Caixa Econômica Federal e abrir uma conta para sua empresa. Toda operação é feita por meio de cartão e o lojista precisa ser credenciado na Redecard (com domínio Móveiscard).

A princípio, a parceria vale por 60 dias. Após esse período, se quiser continuar aceitando o cartão do programa, basta ligar para o gerente da Caixa e renovar o convênio.

O valor da compra é creditado na conta do lojista como em uma operação de venda com cartão de débito. Entretanto, para compras a vista com o cartão, o lojista participante é obrigado a oferecer desconto mínimo de 5% no valor da nota.

Para tirar dúvidas, a Caixa disponibiliza o telefone 0800 726 0104. Já o Sebrae-SP orienta pelo 0800 570 0800.
 

continua após publicidade