Economia

Preços dos produtos desaceleram em abril

Da Redação ·
 Queda no preço dos combustíveis ajudaram a diminuir avanço da inflação do IPCA-15
fonte: googleimagens.com
Queda no preço dos combustíveis ajudaram a diminuir avanço da inflação do IPCA-15

Os preços medidos pelo IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15), prévia da inflação oficial, desaceleraram em abril na comparação com a primeira medição de março. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o índice foi de 0,55% no mês passado para 0,48%.

continua após publicidade

Entre os nove grupos de despesas pesquisados pelo IBGE, dois tiveram desaceleração de preços, enquanto outros dois apresentaram deflação. Foram eles habitação (de 0,27% para 0,08%), educação (de 0,55% para 0,08%), comunicação (de 0,08% para -0,03%) e transportes (0,41% para -0,71%).

continua após publicidade

Os combustíveis, principalmente a gasolina e o etanol, ficaram 3,08% mais baratos e foram os maiores responsáveis por derrubar os preços da inflação nos transportes.

continua após publicidade

Cinco grupos registraram avanço nos preços, como é o caso de alimentação e bebidas (de 1,22% em março para 1,71%), artigos de residência (0,37% para 0,57%), vestuário (0,08% para 1,08%), saúde e cuidados pessoais (0,22% para 0,38%) e despesas pessoais (0,69% para 0,77%).

No grupo alimentação e bebidas, cuja alta vem sendo atribuída a problemas climáticos, a variação de 1,71% de abril foi maior do que a registrada em março (1,22%). Os preços dos alimentos já aumentaram, no ano, 4,79%, segundo o IPCA-15.