Economia

Gás encanado tem reajuste de até 6,55% a partir de amanhã

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 30 de maio (Folhapress) - O gás encanado ficará mais caro a partir de amanhã para os clientes da Comgás e da Gás Natural São Paulo Sul. Para a primeira, que atende os consumidores da capital, da região metropolitana e de Campinas, Vale do Paraíba e Baixada Santista, o aumento vai de 6,47% a 6,55%. No sul do Estado, a variação da tarifa residencial será de 2,48% a 4,23%. O ajuste nas tarifas foi anunciado ontem pela Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo) e vale também para o GNV (Gás Natural Veicular) vendido nos postos, que subirá 8,86% pela Comgás e 1,60% pela São Paulo Gás. Os novos valores do gás fornecido pela Comgás valerão para 1,24 milhão de clientes, dos quais 850 mil são residenciais. Na capital, são cerca de 700 mil clientes. Segundo a Comgás, uma família de até cinco pessoas consome até 5m3 de gás encanado ao mês, utilizando o produto somente para cozinhar. Nessa faixa de consumo, o aumento será de 6,55%, e vai de R$ 20,34 para R$ 21,67 ao mês, uma diferença de R$ 1,33. Uma família que utiliza o gás encanado para cozinhar e para aquecer os chuveiros consome, em média, 17 m3 de gás encanado aos mês. O gasto vai passar de R$ 61,15 para R$ 65,11 mensais. (Fernanda Brigatti)  

continua após publicidade