Economia

Preços ao consumidor têm em abril a maior queda desde 2008

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 16 de maio (Folhapress) - Os preços ao consumidor nos Estados Unidos tiveram em abril a maior queda em quatro anos, segundo dados divulgados hoje pelo Departamento de Comércio. O índice teve baixa de 0,4%. O principal responsável pela queda foi o preço dos combustíveis, que caíram 8,1%, maior declínio desde dezembro de 2008. O resultado ficou abaixo do esperado pelo mercado, que tinha uma expectativa de redução de 0,2%. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a alta de preços foi de 1,1%, nove décimos abaixo da meta do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos), de 2%. O Fed utiliza medida diferente de preços que tende a se apresenta mais branda que o índice do Departamento de Trabalho. Essa medida, que exclui energia e alimentos, subiu apenas 0,1%. A queda de preços abaixo da meta de inflação causa rumores do mercado de que o Fed poderia flexibilizar a política monetária para permitir um maior crescimento da economia do país. Embora os Estados Unidos tenham crescido 3,5% no primeiro trimestre, a expectativa dos mercados é que o índice seja baixo nos próximos três meses devido ao efeito dos aumentos de impostos e do fim de isenções fiscais.  

continua após publicidade