Economia

Dólar tem leve alta ante real apesar de cair no exterior

Da Redação ·
Dólar tem leve alta ante real apesar de cair no exterior
fonte: TNONLINE
Dólar tem leve alta ante real apesar de cair no exterior

Os números positivos do mercado de trabalho norte-americano, divulgados nesta sexta-feira, 03, favoreceram os ganhos das ações e a queda do dólar ante outras moedas em várias partes do mundo. No Brasil, porém, o movimento no câmbio foi menos intenso que o visto no exterior e a divisa americana fechou o dia em leve alta de 0,05% no balcão, cotada a R$ 2,0120, após oscilar perto da estabilidade durante a tarde.

Pela manhã, conforme profissional ouvido pela reportagem, um fluxo negativo de moeda estrangeira, motivado por remessa de grande empresa do setor de petróleo, fez o dólar subir ante o real momentaneamente. Ainda assim, ajudou a conter a pressão de baixa vinda lá de fora. Na cotação mínima do dia, vista às 9h32, o dólar atingiu R$ 2,0060 (-0,25%) e, na máxima, às 11h55, marcou R$ 2,015 (+0,20%). Da mínima para a máxima, a moeda estrangeira oscilou +0,45%.

À tarde, o movimento da moeda no Brasil passou a ser mais contido, com os investidores em compasso de espera para o fim dos negócios. Pouco antes do fechamento, o dólar à vista voltou a oscilar em território positivo. No mercado futuro, o dólar para junho era cotado a R$ 2,0185, em leve baixa de 0,05%.

Pela manhã, os dados do mercado de trabalho norte-americano dispararam a busca por ativos de maior risco, como as ações, em detrimento do dólar. Em abril, a economia dos EUA criou 165 mil pontos de trabalho, acima dos 148 mil esperados. Já a taxa de desemprego recuou para 7,5%, abaixo dos 7,6% previstos.

No Brasil, também mais cedo, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) anunciou uma alta de 0,7% na produção industrial brasileira em março ante fevereiro. O número, apesar de positivo, veio abaixo do esperado e ainda deixa dúvidas sobre o ritmo de crescimento da economia como um todo.

continua após publicidade