Economia

Políticas de BCs podem ser construtivas, diz Bernanke

Da Redação ·
O presidente do Federal Reserve Bank, Ben Bernanke, afirmou nesta segunda-feira que o Fed não está envolvido em uma política internacional que utiliza a desvalorização da moeda e barreiras de proteção para aliviar as dificuldades econômicas de uma nação às custas de outros países, política conhecida, em inglês, como "beggar thy neighbor policies". Ele afirmou também que as medidas agressivas de política monetária implementadas pelos bancos centrais nas economias avançadas são "mutuamente construtivas". Respondendo a perguntas da plateia após um discurso na Conferência de Mercados Financeiros do Fed de Atlanta, Bernanke disse que o pagamento de juros sobre as reservas será a principal ferramenta na estratégia de saída do Fed. Bernanke afirmou que as vendas do balanço patrimonial do Fed não devem ocorrer até o final do processo. O Banco do Japão, sob o comando do novo presidente Haruhiko Kuroda, recentemente abandonou sua abordagem conservadora em favor de medidas mais fortes para estimular o crescimento. Da mesma forma, Bernanke disse que o Fed também está conduzindo a política monetária que é "adequada para as necessidades domésticas". Além disso, quando tomadas em conjunto, as políticas de vários bancos centrais ajudam a recuperação econômica global. Com a maioria das principais economias do mundo longe de uma recuperação completa, seus bancos centrais estão empenhados em uma "política monetária expansionista", disse Bernanke. De acordo com o presidente do Fed, o tamanho e a severidade da crise pedem mudanças significativas. "Em rede, isso é mutuamente construtivo, eu acho". Segundo ele, a força de cada país está fornecendo suporte adicional para outros países através de sistemas financeiros, exportações, entre outros aspectos. Bernanke disse que, quando chegar a hora de normalizar as condições monetárias, a principal ferramenta que o banco central irá utilizar é a taxa de juros paga sobre excesso de reservas. "Nós não contemplamos neste momento usar a venda de ativos da mesma forma que os IOER (juros sobre excesso de reserva) estão propostos a serem usados", disse ele. "As vendas de ativos estão no final do processo, e não devem ser a principal ferramenta de normalização de política", enfatizou Bernanke. As informações são da Market News International.
continua após publicidade