Economia

Déficit comercial dos EUA cai em fevereiro

Da Redação ·
O déficit comercial dos EUA apresentou uma queda inesperada em fevereiro, para US$ 42,96 bilhões, segundo divulgou nesta sexta-feira o Departamento do Comércio. Analistas consultados pela Dow Jones esperavam que o déficit aumentasse em relação ao mês anterior, para US$ 45 bilhões. O déficit de janeiro sofreu uma ligeira revisão, para US$ 44,46 bilhões, da leitura original de US$ 44,45 bilhões. Na comparação mensal, o déficit de fevereiro apresentou queda de 3,4%. A redução do déficit se deveu basicamente ao setor de energia. As importações de petróleo dos EUA caíram cerca de 21% em fevereiro, enquanto as exportações de gasolina e outros derivados da commodity avançaram. Com o uso de energia ganhando eficiência nos EUA e a produção doméstica crescendo, especialistas preveem que o país deverá se tornar um exportador líquido de petróleo nos próximos anos. As importações de outros produtos, como alimentos, roupas e computadores, apresentaram alta em fevereiro, sinalizando maior confiança dos consumidores norte-americanos para fazer gastos. Por outro lado, as exportações de produtos farmacêuticos, aviões e soja recuaram naquele mês. As informações são da Dow Jones.
continua após publicidade