Economia

Juros ao consumidor voltam a subir em fevereiro

Da Redação ·





Por Carolina Oms

BRASÍLIA, DF, 26 de março (Folhapress) - Os juros cobrados pelos empréstimos nos bancos mantiveram em fevereiro a trajetória de alta observada no início deste ano após um período de intensa redução em 2012.

Segundo informações divulgadas hoje pelo Banco Central, a taxa média geral subiu 0,1 ponto percentual no mês, para 18,7% ao ano. Em janeiro, a alta havia sido de 0,5 ponto percentual.

A variação foi causada por um aumento no juro cobrado da pessoa física, que subiu 0,5 ponto percentual nos empréstimos com recursos livres (como cheque especial, crédito pessoal, consignado, compra de veículos e cartão de crédito), atingindo 24,9% ao ano para todas as operações de crédito. Já nas operações para empresas, a taxa média de juros permaneceu estável, em 14% ao ano.

A taxa de inadimplência, que contabiliza atrasos com mais de 90 dias, representou 3,7% das operações em fevereiro, estável em relação ao mês anterior.

No crédito para pessoa física, ela era de 5,5% em janeiro e fechou fevereiro em 5,4%. A inadimplência permaneceu estável nos empréstimos voltados às empresas, em de 2,3% em fevereiro.

Avanço no crédito

O estoque de operações de crédito do sistema financeiro subiu 0,7% em fevereiro ante o primeiro mês deste ano, totalizando R$ 2,384 trilhões.

Segundo O BC, a alta foi causada por uma maior demanda por parte das empresas --os empréstimos para pessoas jurídicas cresceram 0,9% em relação a janeiro. Já as operações destinadas a pessoas físicas cresceram 0,5%.
 

continua após publicidade