Economia

Entidade encontra diferença de até 103% nos preços dos ovos de Páscoa

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 22 de março (Folhapress) - Umas das marcas de ovos de Páscoa à venda neste ano tem variação de preço de até 103% em diferentes estabelecimentos. A diferença foi apontada em São José dos Campos, interior de São Paulo, em pesquisa do Procon-SP. Na capital paulista, a maior variação foi de 73,83%. Em São José dos Campos, o produto apontado custava R$ 18,71 em uma loja, e R$ 37,99 em outra. Em São Paulo, o ovo com maior variação custava R$ 14,90 no comércio mais barato, e R$ 25,90 no mais caro.

O órgão de defesa do consumidor visitou 94 estabelecimentos em 13 municípios do interior e na capital paulista entre os dias 4 e 14 deste mês.

Acima da Inflação

Na comparação anual, os preços de ovos e de bolos de páscoa aumentaram, em média, 6,43% entre o ano passado e este ano. No mesmo período, o IPC da Fipe (índice que mede a inflação em São Paulo) teve variação de 5,93%. Os produtos de Páscoa, portanto, tiveram aumento acima da média de todos os outros produtos em São Paulo.

Entre todos os municípios pesquisados, a capital é o local mais barato para se comprar tanto os ovos quanto os bolos. Dos 142 itens avaliados, a capital apresentou o menor preço médio em 79 deles.

Dicas

O Procon alerta aos consumidores que a numeração do ovo não tem relação direta com o seu peso. Portanto, na hora de escolher, é preciso considerar o peso que é indicado na embalagem. As embalagens que contêm brinquedos devem indicar a faixa etária para a qual o item é apropriado. É importante checar se o produto traz o selo do Inmetro, que indica que o produto foi testado e não trará riscos à criança.
 

continua após publicidade