Economia

Após trimestre frustrante, BC revisa para 1% previsão do PIB

Da Redação ·

Por Mariana Shcreiber BRASÍLIA, DF, 20 de dezembro (Folhapress) - Após a frustração do crescimento do terceiro trimestre, quando a expansão do PIB ficou abaixo do esperado, o BC (Banco Central) fez novo corte na sua projeção para o resultado deste ano. A previsão agora é a que a economia brasileira cresça apenas 1% em 2012, ante previsão de 1,6% há três meses. A informação consta no relatório trimestral de inflação do BC, divulgado hoje. A piora do resultado se deve ao desempenho mais fraco dos investimentos, da indústria (principalmente construção civil e setor extrativo) e do setor de serviços. Também pioraram as projeções para o aumento das exportações e do consumo das famílias e do governo. A única melhora foi na expectativa para o desempenho do setor agropecuário, que deve registrar retração menor do que projetada inicialmente. A fraca demanda doméstica também diminuiu a previsão de aumento das importações. Desde a última edição do relatório, a autoridade monetária passou a projetar o desempenho do PIB para os 12 meses a frente em relação ao último dado oficial divulgado pelo IBGE. Na divulgação de hoje, o BC estima expansão de 3,3% da economia entre setembro deste ano e setembro de 2013.  

continua após publicidade