Economia

Demanda de empresas cresce 4,5% em agosto

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 17 de setembro (Folhapress) - A demanda das empresas por crédito cresceu pelo segundo mês seguido em maio em um sinal de retomada mais firme da atividade econômica. A elevação também reflete a preparação das companhias para as vendas de final de ano.

Segundo dados da Serasa Experian, a procura de crédito por pessoas jurídicas cresceu 4,5% na comparação com julho. O nível, contundo, ainda é 4,6% inferior ao registrado em agosto do ano passado.

Os economistas da Serasa esperam novas altas para os próximos meses em resposta à redução das taxas de juros e à tendência de aceleração do crescimento econômico no segundo semestre.

A análise contém uma ressalva: a reativação da demanda por crédito ocorre de forma gradual, conforme indicam as comparações com o ano passado. No período acumulado de janeiro a agosto, a busca das empresas por crédito foi 1,5% inferior ao do mesmo período de 2011.

Porte

O crescimento da procura por crédito em agosto foi distribuído por empresas de todos os portes, com destaque para as grandes companhias (4,7%). Estas registram também o maior avanço no ano (15,2%), enquanto as micro e pequenas mostram redução de 2,3% pressionando o indicador total.

Entre os setores, o destaque é o comércio, com a maior elevação em agosto. No ano, contundo, apenas as companhias ligadas a serviços apresentaram maior apetite por crédito na comparação com o ano passado.
 

continua após publicidade