Economia

Tesouro Direto vende R$ 372,2 mi de títulos em agosto

Da Redação ·
O Tesouro Nacional informou nesta sexta-feira que, em agosto, o volume de títulos vendidos pelo Tesouro Direto foi de R$ 372,2 milhões. O valor é 64,8% maior do que o de julho. Em agosto, 4.317 novos participantes se cadastraram no site do Tesouro Direto, que atingiu ao fim daquele mês um total de 313.919 investidores. Esse contingente representa um incremento de 21,2% nos últimos 12 meses. Segundo comunicado divulgado pelo Tesouro, a maior demanda foi por títulos indexados ao IPCA (NTN-B e NTN-B Principal), com vendas representando 74,4% do total. Os títulos prefixados (LTN e NTN-F) tiveram participação de 21,5% das vendas, enquanto os indexados à Selic (LFT), de 4,2%. O Tesouro informou ainda que 58,8% das aplicações de agosto foram feitas por pequenos investidores, com volumes de até R$ 5 mil. O valor médio por operação naquele mês foi de R$ 17.334. "A venda de títulos com prazo entre um e cinco anos representaram 39% do total e os títulos com prazo acima de cinco anos corresponderam a 61% do total, reafirmando o papel do Tesouro Direto como opção de poupança de médio e longo prazo", disse o comunicado. O estoque total do programa é de R$ 8,8 bilhões, o que representa estabilidade ante julho e alta de 35,5% em relação a agosto do ano passado. Os títulos remunerados por índices de preços atingiram 59,6% do estoque em agosto, enquanto os prefixados tiveram participação de 31,5% e os indexados à Selic, de 8,9%.
continua após publicidade