Economia

Pacote de energia ajudará competitividade da siderurgia

Da Redação ·
O pacote de energia anunciado nesta terça-feira (11) pelo governo federal deverá ajudar o setor siderúrgico a recuperar parte da sua competitividade, segundo nota do Instituto Aço Brasil (IABr). "É tão bem-vinda quanto o recente aumento das tarifas de importação e fim da guerra fiscal nos portos", diz a nota da entidade. O IABr afirmou que a média da participação da energia elétrica no custo de uma tonelada de aço nas usinas semi-integradas é de 10%. O governo federal anunciou redução média de 20,2% no custo de energia para os consumidores das distribuidoras de energia. No caso das indústrias, o corte irá variar de 19,4% a 28%, dependendo do nível de tensão em que são atendidas. Os consumidores atendidos em baixa tensão, como os residenciais, terão um corte de 16,2% na conta de luz.
continua após publicidade