Economia

Plataforma encomendada por estatal pega fogo em Cingapura

Da Redação ·





RIO DE JANEIRO, RJ, 1 de setembro (Folhapress) - Um navio plataforma encomendado pela Petrobras à Odebrecht Óleo e Gás pegou fogo enquanto fazia testes no mar de Cingapura. O navio faz parte de uma encomenda que a estatal fez ao consórcio Odebrecht Óleo e Gás/TK.

De acordo com a Odebrecht Óleo e Gás, o navio estava em testes, na última quinta-feira, quando ocorreu o incêndio. A empresa não divulgou as causas do acidente, mas informou, por nota, que as chamas foram controladas e não houve vítimas nem impacto ambiental.

O navio, que terá de voltar ao estaleiro para reparos, tinha previsão de entrega em outubro. Batizado de FPSO Cidade de Itajaí, o navio tem capacidade de produção de até 80 mil barris de petróleo por dia.

A Petrobras apresentou o FPSO em agosto como uma das duas plataformas que iriam garantir o cumprimento das metas de produção da companhia.

Procurada, a assessoria de imprensa da Petrobras disse que, por enquanto, os comentários seriam feitos apenas pela Odebrecht.
 

continua após publicidade