Economia

Itaú reduz juros para pessoa física e jurídica

Da Redação ·
O Itaú Unibanco anunciou, nesta noite de segunda-feira, redução de juros em linhas de crédito para pessoas físicas e jurídicas. Em comunicado à imprensa, o banco diz que os cortes acompanham a baixa da Selic para 8%, fixada pelo Banco Central na semana passada. As novas taxas já estão em vigor. As linhas de crédito pessoal e cheque especial - para pessoas físicas e jurídicas - terão juros menores. O novo corte torna o pacote MaxiConta Portabilidade Salário, para quem optar por receber salário no banco, ainda mais competitivo, segundo o comunicado do Itaú. As taxas do crediário pessoal para os clientes que já têm o pacote caem, do atual intervalo entre 1,95% e 4,89% ao mês, para 1,91% e 4,85% mensais. No cheque especial, os juros passam de 3,50% a 4,89% para 3,46% a 4,85% mensais. Para os demais clientes de varejo, as taxas do crediário pessoal diminuem de 2,45% a 6,66% ao mês para 2,41% a 6,62% mensais. Para os clientes do Itaú Empresas também há redução. A taxa máxima de juros do cheque especial dessa clientela passa dos atuais 8,85% ao mês para 8,81% ao mês. Na semana passada, Banco do Brasil e Santander anunciaram redução dos juros, seguindo o corte do Comitê de Política Monetária (Copom).
continua após publicidade