Cotidiano

Zé Trovão grava vídeo dizendo que vai se entregar à polícia

Ele teve ordem de prisão expedida pelo Supremo Tribunal Federal no início de setembro; assista

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Zé Trovão grava vídeo dizendo que vai se entregar à polícia
Zé Trovão grava vídeo dizendo que vai se entregar à polícia

Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, militante bolsonarista que esteve foragido no México desde o início de setembro, divulgou vídeo em seu canal do Telegram no início da tarde desta terça-feira (26) dizendo estar prestes a se apresentar à Polícia Federal (PF).

continua após publicidade

“Nesse 26 de outubro, eu me entreguei à Justiça brasileira, me apresentei à Justiça brasileira, porque, como diz o nosso hino, verás que um filho teu não foge à luta. E eu jamais iria abandonar o povo brasileiro”, diz ele na gravação.

“Eu vim dizer muito obrigado, não sei quanto tempo eu vou passar no cárcere, mas saibam que tudo isso é pelo Brasil, por cada ser humano cidadão de bem. Fiquem com Deus e não desanimem”, disse ainda o militante.

continua após publicidade

Assista:

 Zé Trovão grava vídeo dizendo que vai se entregar à polícia - Vídeo por: tnonline  

A defesa de Zé Trovão divulgou nota, também nesta terça, com o seguinte texto:

continua após publicidade

“Na qualidade de advogados do Sr. Marcos Antonio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, informamos que na data de hoje promovemos sua apresentação espontânea ao Excelentíssimo Senhor Doutor Delegado Chefe da Polícia Federal em Joinville – Santa Catarina, cidade de seu domicílio. Assim, está ao dispor da Justiça para provar sua inocência. Na sequência, a defesa formulará pleitos de liberdade.”

Zé Trovão teve ordem de prisão expedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no início de setembro, quando tentava mobilizar caminhoneiros e manifestantes a participar dos atos bolsonaristas marcados para o feriado da Independência, que tinham pautas antidemocráticas, como o fechamento do Supremo.

Com informações Metrópoles.