Cotidiano

Wizard falta em CPI e Aziz pede apreensão de passaporte

Wizard está no Estados Unidos e solicitou aos senadores que audiência fosse feita por videoconferência, entretanto, o pedido foi negado.

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Wizard falta em CPI e Aziz pede apreensão de passaporte
fonte: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Wizard falta em CPI e Aziz pede apreensão de passaporte

O depoimento do empresário Carlos Wizard, à CPI da Covid, estava marcado para esta quinta-feira,17, entretanto, o executivo resolveu não comparecer à audiência, o que deixou o presidente da comissão, o senador Omar Aziz (PSD-AM), bastante irritado.   

continua após publicidade

Ele afirmou que à Justiça a condução do empresário Carlos Wizard à comissão e a retenção do passaporte do executivo. Wizard é considerado pela cúpula da CPI um dos integrantes do suposto gabinete paralelo.

Oficiaremos a um juiz criminal para que requisite autoridade policial apresentação da testemunha faltosa ou determinar que seja conduzido por oficial de Justiça, o qual poderá solicitar o auxílio da força pública”, disse Aziz.

continua após publicidade

“Para além dessas medidas, diante da ausência do depoente, determino que seja oficiada à Justiça Federal para que o passaporte do seu Carlos Wizard seja imediatamente retido pela Polícia Federal tão logo ele ingresse em território nacional e somente seja devolvido após prestação de depoimento perante essa comissão de inquérito”, completou o senador.

Wizard está atualmente nos Estados Unidos. O empresário havia alegado que está acompanhando tratamento de saúde de familiar e por isso não poderia comparecer ao depoimento. Ele ainda pediu que o depoimento fosse realizado por videoconferência, mas o pedido foi negado pelos senadores.

Com informações: IstoÉ