Cotidiano

Stalking: rapaz é detido após vigiar jovem por dois anos

A vítima era vigiada tanto na frente de casa quanto no trabalho

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Stalking: rapaz é detido após vigiar jovem por dois anos
fonte: Divulgação/Polícia Civil
Stalking: rapaz é detido após vigiar jovem por dois anos

Na última quarta-feira (19), um rapaz de 19 anos foi preso pela Polícia Civil (PC) após passar dois anos vigiando uma mulher de 23 anos, em Ribas do Rio Pardo, no Mato Grosso do Sul. De acordo com as informações da polícia, a mulher denunciou o caso após se cansar de levar inúmeras cantadas do rapaz durante dois anos e ser vigiada por ele. Ela relatou as autoridades que nunca teve um relacionamento e era vigiada tanto na frente de casa quanto no trabalho. 

continua após publicidade

O suspeito dizia que queria namorar com a jovem. Segundo o delegado que está à frente do caso, o homem afirmou ter cometido o crime e ainda disse, em depoimento na delegacia, que não "queria fazer mal a ela, apenas conhecê-la melhor".

"A conduta dele parece não ser normal. Já a vítima, que registrou boletins de ocorrência anteriores contra ele, falou que nunca teve nada com ela e ele ficava na frente da casa dela, dizendo que queria ficar com ela. Depois, também ia ao trabalho dela, falando que queria namorar e também a vigiava para ver se ela estava se relacionamento com alguém", disse Bruno Santacatharina, delgado responsável pelo caso. 

continua após publicidade

Na terça-feira (18), a vítima notou que o rapaz estava na frente do trabalho dela. Cansada disso, a mulher ligou para a PC. Quando os agentes chegaram no local, o homem já não estava lá pois havia fugido. Buscas foram feitas e os policiais encontraram o suspeito. 

O rapaz desacatou os agentes e resistiu a prisão. O jovem foi indiciado pelo crime de stalking, com pena que varia de 6 meses a 2 anos de prisão, além de resistência e desacato. Em seguida, foi liberado e vai responder ao inquérito em liberdade.

Conforme a polícia, o rapaz tem antecedentes criminais pelo porte de drogas e também crime de violência doméstica, praticado contra a mãe dele.

Fonte: G1

Tags relacionadas: #DETIDO #Dois anos #jovem #rapaz