Cotidiano

Secretário de SP prevê liberação de pista central da Marginal do Tietê em 10 dias

Da Redação ·

O secretário dos Transportes Metropolitanos de São Paulo, Paulo Galli, declarou na manhã desta quarta-feira que a pista central da MARGINAL Tietê, no sentido da rodovia Ayrton Senna, deve ficar interditada por cerca de dez dias. Em entrevista ao Bom Dia SP, da TV Globo, Galli destacou que a Marginal é a principal via do Estado, com um "um fluxo monstruoso" e pontuou a necessidade de "liberá-la rapidamente".

continua após publicidade

Na manhã de terça-feira, houve um desmoronamento em uma obra da Linha-6 Laranja do Metrô, que fez ceder parte do asfalto da Marginal do Tietê e provocou a interdição da via no sentido Ayrton Senna. O acidente ocorreu nas imediações da Ponte do Piqueri, na zona oeste de São Paulo. As pistas local e central estão interditadas e o fluxo de veículos é feito apenas na expressa.

Em reunião com os técnicos da Secretaria dos Transportes Metropolitanos, da Sabesp, da concessionária Acciona e da Prefeitura de São Paulo, em um comitê criado após a enorme cratera que se formar, ficou definido que o buraco será preenchido com "material rochoso e argamassa". A intenção é estabilizar o local o quanto antes para que a via possa ter sua circulação retomada.