Cotidiano

Secretaria de Agricultura de SP convoca aprovados em concurso

Da Redação ·

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA) do Estado de São Paulo vai convocar 118 concursados aprovados. Deste total, apenas 101 vagas serão divididas entre a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), que coordena as Casas da Agricultura, e a Defesa Agropecuária. As 17 vagas restantes vão contemplar carreiras ligadas à pesquisa. Despacho nesse sentido foi publicado neste sábado (5), no Diário Oficial do Estado, informa a Associação Paulista de Extensão Rural (Apaer).

continua após publicidade

A convocação de aprovados no concurso de 2017, que venceria neste mês, era uma das pautas de reivindicações da Apaer. Pelas contas da entidade, nos últimos anos o quadro de servidores que atuam no atendimento aos agricultores foi reduzido à metade.

O presidente da Apaer, Antônio Marchiori, disse em nota que "é melhor que nada, mas é muito triste verificar que com o total anunciado pelo governo do Estado ficaremos muito longe de assegurar o atendimento nas 645 Casas da Agricultura".

continua após publicidade

Segundo a Apaer, a publicação não estabelece quantas vagas serão preenchidas na extensão rural, que presta apoio aos agricultores familiares. O texto prevê que serão chamados 4 novos servidores para atuar no cargo de Auxiliar de Apoio Agropecuário, 1 de Oficial de Apoio Agropecuário, 65 de Assistente Agropecuário I, 26 de Agente de Apoio Agropecuário, 14 de Técnico de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica, 5 de Técnico de Apoio Agropecuário e 3 de Oficial de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica.

O despacho ressalva que deverão ser "observadas as disponibilidades orçamentárias e obedecidos os demais preceitos legais e regulamentares atinentes à espécie".

"Havia uma expectativa entre os produtores e a categoria de que o Estado convocaria 180 novos servidores, número que também seria insuficiente, mas veio muito abaixo, considerando que as vagas preenchidas ainda serão divididas entre as Casas da Agricultura e a Defesa Agropecuária, que também apresenta déficit de pessoal", comentou Marchiori.