Cotidiano

Rússia bombardeia a maior central nuclear da Europa

As autoridades ucranianas classificam a situação como "ameaça real de perigo nuclear"

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Rússia bombardeia a maior central nuclear da Europa
fonte: Reprodução/Google

O combate entre a Rússia e a Ucrânia está cada vez mais intenso. Na noite desta quinta-feira (3), as forças russas bombardearam a maior central nuclear da Europa, que fica no sul da Ucrânia, provocando um incêndio. As autoridades ucranianas classificam a situação como "ameaça real de perigo nuclear". 

continua após publicidade

De acordo com o porta-voz da estação, Andriy Tuz, o perigo é eminente. "Exigimos que parem os disparos com armas pesadas. Há uma ameaça real de perigo nuclear na maior central da Europa".

A central nuclear de Zaporizhzhia, na cidade de Enerhodar, é responsável pela produção de um quarto da energia da Ucrânia.

continua após publicidade

O administrador de Enerhodar também denunciou bombardeios contra a central nuclear. "Ameaça à segurança global. Como resultado do contínuo bombardeio inimigo de edifícios e unidades da maior central nuclear da Europa, ela está em chamas", disse Dmitry Orlov na rede social Telegram.