Cotidiano

Reino Unido diz que pessoas com alergias graves devem evitar vacina

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Reino Unido diz que pessoas com alergias graves devem evitar vacina
fonte: Reprodução
Reino Unido diz que pessoas com alergias graves devem evitar vacina

Nesta quarta-feira (9), o chefe da agência reguladora de medicamentos britânicos relatou que duas reações alérgicas foram registradas após o primeiro dia de vacinação contra a Covid-19 no Reino Unido com a vacina da Pfizer/BioNTech. Por esta razão, autoridades inglesas de saúde aconselham pessoas com "histórico significativo de reações alérgicas" a não tomar o imunizante. 

continua após publicidade

“Como é comum com as novas vacinas, a MHRA [Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde] avisou, por precaução, que pessoas com histórico significativo de reações alérgicas não recebam esta vacina depois que duas pessoas com histórico de reações alérgicas significativas responderam negativamente ontem [terça-feira, 8]”, informou Stephen Powis, o diretor médico do Serviço Nacional de Saúde (NHS) da Inglaterra.

Com uma vacina aprovada e autorizada, o Reino Unido é a primeira nação do mundo a começar a imunizar seus cidadãos. Idosos e profissionais de saúde têm total prioridade. 

continua após publicidade

Os dois casos de reação alérgica foram registrados em profissionais de saúde que receberam a vacina. 

Com informações; CNN.