Cotidiano

PRF tranca suspeito em "câmara de gás" e homem morre

Um vídeo registrado por populares mostra o momento em que o homem, que tem problemas mentais, foi trancado na viatura com um gás por agentes da PRF

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia PRF tranca suspeito em "câmara de gás" e homem morre
fonte: Da Redação

Um homem, identificado como Genivaldo de Jesus Santos, de 38 anos, morreu após ser trancado por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no porta-malas de uma viatura e aspirar um gás. O caso ocorreu na tarde dessa quarta-feira (25), em Umbaúba, Sergipe. Familiares informaram que o homem tinha problemas mentais.

continua após publicidade

Genivaldo foi abordado, de acordo com as informações de um parente, na BR-101, quando pilotava um motocicleta. Os policiais ordenaram ao homem que ele levantasse as mãos e, durante a revista, encontraram algumas cartelas de comprimidos no bolso dele. Ainda segundo o familiar, Santos tomava medicamentos. 

Genivaldo ficou nervoso e questionou os policiais, que fizeram uso de spray pimenta e o colocaram no porta-malas do camburão. Ainda conforme a testemunhas, foi nesse momento que os agentes lançaram outro tipo de gás contra o homem, que já havia sido colocado no porta-malas.

continua após publicidade

  null - Vídeo por: Ponte Denuncia  

Genivaldo foi levado para a delegacia da Polícia Civil, onde foi constatado que a vítima estava desacordada. O homem ainda foi levado a um hospital, mas não resistiu. O corpo foi levado para perícia no Instituto Médico Legal (IML) de Aracaju.

A família registrou boletim de ocorrência na delegacia de Umbaúba. Familiares da vítima e testemunhas já foram ouvidas, mas, por envolver agentes federais, a investigação deve ser repassada à Polícia Federal.

continua após publicidade

A PRF emitiu uma nota e, segundo o comunicado, Genivaldo resistiu à abordagem e precisou ser contido com armas não letais. Ainda segundo a PRF, a ocorrência foi registrada e a Polícia Judiciária vai apurar o caso. A PRF abriu procedimento disciplinar para averiguar a conduta dos envolvidos.

Laudo do IML

O corpo da vítima foi submetido a uma necropsia no IML de Sergipe e o exame apontou que Genivaldo morreu por asfixia mecânica e insuficiência respiratória aguda. 

continua após publicidade

A morte do homem foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública na manhã desta quinta-feira (26). 

Ainda segundo o órgão público, mais exames devem ser realizados, porém, o corpo já foi liberado para o velório, que acontece na casa de sua mãe, no povoado Mangabeira, em Santa Luzia do Itanhy. A vítima era casada e deixa um filho.

continua após publicidade

De acordo com a família, o homem tinha esquizofrenia e tomava remédios controlados há cerca de 20 anos.

O que diz a PRF

Leia na íntegra o que diz a nota da PRF:

"Na data de hoje, 25 de maio de 2022, durante ação policial na BR-101, em Umbaúba-SE, um homem de 38 anos, resistiu ativamente a uma abordagem de uma equipe PRF. Em razão da sua agressividade, foram empregados técnicas de imobilização e instrumentos de menor potencial ofensivo para sua contenção e o indivíduo foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil em Umbaúba.

Durante o deslocamento, o abordado veio a passar mal e socorrido de imediato ao Hospital José Nailson Moura, onde posteriormente foi atendido e constatado o óbito.

A equipe registrou a ocorrência na Polícia Judiciária, que irá apurar o caso. A Polícia Rodoviária Federal em Sergipe lamenta o ocorrido e informa que foi aberto procedimento disciplinar para averiguar a conduta dos policiais envolvidos".

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News