Cotidiano

Presidente da Argentina é indiciado por participar de festa

O presidente participou de uma festa no ano passado durante duras restrições contra a pandemia

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Presidente da Argentina é indiciado por participar de festa
fonte: Reprodução/Twitter
Presidente da Argentina é indiciado por participar de festa

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, foi indiciado por ter participado de uma festa durante a pandemia de Covid-19. O chefe do Executivo burlou as regras da quarentena que seu próprio governo havia imposto. 

continua após publicidade

O "furo" na quarenta ocorreu em julho do ano passado, quando Alberto participou de uma festa de sua mulher, Fabiola Yanez, na residência presidencial. Todas as fotos vazaram recentemente. 

Um pedido de impeachment de Fernández foi protocolado pela oposição após o político ter aglomerado, algo que, na época, era proibido. Entretanto, como os governistas dominam o Legislativo na Argentina, o caso não tem muita chance de progredir.

continua após publicidade

O presidente participou de uma audiência nesta quinta e ofereceu pagar uma multa. Alberto sugeriu doar metade de seu salário durante quatro meses ao Instituto Malbrán, de pesquisa e laboratórios. 

A primeira-dama Fabiola Yanez e outras cinco pessoas, que estavam no evento, também foram indiciadas. 

Com informações; G1.