Cotidiano

Prefeitura de SP abre xepa para vacina de reforço dos profissionais de saúde

Da Redação ·

A Prefeitura de São Paulo permitiu que os profissionais de saúde se cadastrem na xepa para receber uma dose de reforço da vacina contra a covid-19. Os interessados devem ter mais de 18 anos e precisam ter tomado a segunda dose ou dose única há pelo menos seis meses.

continua após publicidade

Os trabalhadores devem apresentar comprovante de vínculo empregatício em serviço de saúde do município de São Paulo, documento de conselho de classe, comprovante de profissão, certificado ou diploma. Para se inscrever, basta comparecer à unidade de saúde mais próxima e informar nome e telefone.

Os profissionais de saúde não foram incluídos pelo Estado no grupo elegível a receber a dose extra. Atualmente, a previsão é aplicar o reforço em idosos acima de 60 anos que estejam totalmente vacinados há pelo menos seis meses e imunossuprimidos com mais de 18 anos que completaram o esquema vacinal há 28 dias.

continua após publicidade

O calendário dos idosos é dividido por faixa etária. No momento, estão sendo vacinados os maiores de 80 anos. Quem tem entre 60 e 80 anos e já está completamente vacinado há pelo menos seis meses pode se inscrever na xepa para tentar antecipar o reforço.

A xepa também está aberta a quem deseja antecipar a segunda dose. Vacinados com Coronavac podem reduzir o prazo entre doses para 15 dias e quem tomou a AstraZeneca ou Pfizer pode encurtar o intervalo para 30 dias. Cada unidade de saúde é responsável por organizar a lista de espera pelas doses remanescentes e a aplicação depende da quantidade de doses que sobraram ao final do dia.