Cotidiano

PF queima 85 mil pés de maconha confiscada em terras indígenas no Maranhão

Da Redação ·

A Polícia Federal (PF) queimou cerca de 85 mil pés de cannabis sativa, erva conhecida popularmente como maconha, nas terras indígenas de Alto Turiaçu, Alto Rio Guamá e em Terras da União, nas proximidades dos municípios de Centro do Guilherme e Centro Novo, no Maranhão, a cerca de 280 quilômetros da capital, São Luís.

continua após publicidade

A ação fez parte da quinta fase da Operação Fusarium, deflagrada entre os dias 18 e 23 de outubro, na região oeste do Estado. Uma pessoa foi presa em flagrante, encontrada em uma das plantações portando drogas e uma espingarda calibre .22. Ele responderá por tráfico de drogas.

Além dos pés de maconha, a PF erradicou 500 mudas e um quilo de sementes. No local havia também dez quilos de maconha prontas para serem traficadas. "A operação tem o escopo de reduzir a produção e oferta de maconha no Estado do Maranhão, de desarticular a comercialização de drogas na região, identificar os envolvidos, individualizar condutas ilegais e descapitalizar o grupo criminoso", afirma a PF, em nota.