Cotidiano

PF combate compartilhamento de material de exploração sexual infantojuvenil

O cumprimento ocorreu na residência de um homem, de 37 anos, resultando na apreensão de um notebook

Da Redação ·
Divulgação
fonte: Polícia Federal
Divulgação

A Polícia Federal cumpriu na terça-feira (9) um mandado de busca e apreensão, pelo qual havia representado junto à 35ª Vara da Justiça Federal de Belo Horizonte, para combater compartilhamento de material de exploração sexual infantojuvenil pela internet.

continua após publicidade

O cumprimento ocorreu na residência de um homem, de 37 anos, onde foram flagrados o armazenamento e o compartilhamento de imagens, resultando na apreensão de um notebook, pen drives e um aparelho de telefone celular. Em virtude das circunstâncias do caso, foi arbitrada fiança. O homem responderá pelos crimes do art. 241-A e 241-B do Estatuto da Criança e adolescente, sendo que, se condenado, a pena pode chegar a até 10 anos de prisão.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde em face da pandemia do Covid-19, a Polícia Federal continua trabalhando para a manutenção da lei e da ordem, preservando o estado democrático de direito.