Cotidiano

O que são NFTs e por que esse mercado não para de crescer?

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia O que são NFTs e por que esse mercado não para de crescer?
fonte: Divulgação
O que são NFTs e por que esse mercado não para de crescer?

A mania recente causada pelos NFTs — tokens criptográficos não fungíveis na tradução ao português — que nada mais são do que ativos digitalizados de qualquer coisa, desde arte, música, um ‘tweet’ ou até um hipotético download de um determinado arquivo, pegou muita gente de surpresa. 

continua após publicidade

Os NFTs já despertam o interesse do público geral no Brasil e também dos artistas, que terão agora uma base de mercado mais ampla para vender seus produtos. Mas o que é exatamente um NFT? O que se está realmente comprando? O que é preciso saber antes de comprar? Vamos entender um pouco melhor os NFTs e tokens em geral.

O que é um token não fungível?

continua após publicidade

Em economia, um ativo fungível é algo com unidades que podem ser prontamente trocadas, como dinheiro. Com dinheiro, você pode trocar uma nota de R$10 por duas notas de R$5 e ela terá o mesmo valor. No entanto, se algo não for fungível, isso é impossível, significa que tem propriedades únicas, portanto, não pode ser trocado por outra coisa do mesmo valor.

Os tokens digitais podem ser considerados certificados de propriedade de ativos virtuais ou físicos. Da mesma forma, os tokens são um trecho de código para o qual apenas você tem a senha e representa um determinado registro em um determinado blockchain. Este token é a prova de que você possui a propriedade de um determinado registro naquele blockchain. Embora o blockchain seja o registro real, o token que você possui é a prova ou reivindicação de sua propriedade que você pode reter e usar.

Como funcionam os NFTs?

continua após publicidade

Obras de arte tradicionais, como pinturas e esculturas, são valiosas precisamente porque são únicas. Você pode tirar uma foto da pintura ou comprar uma impressão, mas haverá apenas uma pintura original. Os NFTs são ativos únicos no mundo digital que podem ser comprados e vendidos como qualquer outra propriedade, mas não possuem uma forma tangível própria. 

Enquanto o Bitcoin era saudado como a resposta digital para a moeda, os NFTs agora estão sendo apresentados como a resposta digital para os colecionáveis. Com os NFTs, a arte pode ser "tokenizada" para criar um certificado digital de propriedade que pode ser comprado e vendido. Tal como acontece com a criptomoeda, um registro de quem possui o que está armazenado em um blockchain. Os registros não podem ser trocados porque são mantidos por milhares de computadores em todo o mundo ao mesmo tempo. 

 

O que são NFTs e por que esse mercado não para de crescer? fonte: Divulgação
continua após publicidade

Qual o valor real dos NFTs?

Em teoria, qualquer arquivo digital pode ser vendido como NFT, mas o interesse foi alimentado pelas manchetes recentes de vendas multimilionárias. Até os clubes de futebol estão lançando tokens para fãs, por exemplo. 

continua após publicidade

Os NFTs também podem conter contratos inteligentes que podem dar ao artista, por exemplo, uma parte de qualquer venda futura do token. Mas o comprador do NFT possui um token, a prova de que ele possui o trabalho original. Algumas pessoas comparam isso a comprar uma cópia autografada. Em alguns casos, o artista ainda mantém a propriedade dos direitos autorais de seu trabalho, para que possa continuar a produzir e vender cópias.

Diferentes ativos da vida real podem ser representados de forma distinta pelos NFTs, que chegaram rapidamente ao mercado por causa da introdução massiva de criptomoedas como Bitcoin, Ethereum, Binance, Dogecoin, entre outras que hoje em dia são aceitas tanto na compra online e física de produtos, como comprar no supermercado por exemplo, mas também ao fazer apostas esportivas, e também no consumo de serviços.

Quase todos os tokens iniciais eram tokens fungíveis, essencialmente porque foram projetados para atuar como uma alternativa de pagamento e, portanto, precisavam do mesmo caráter fungível que o dinheiro tem. Tokens não fungíveis são uma nova mania. 

À medida que as pessoas entenderam que os ativos podem ser representados, elas perceberam que isso pode abrir um conjunto criativo de aplicativos a serem tokenizados. E NFTs que representam partes específicas de tais ativos se tornaram a melhor maneira de dividir as partes ou unidades vendáveis ​​e exigíveis sem realmente quebrar o próprio ativo composto.

Tags relacionadas: #apostas