Novo estudo aponta eficácia de 91,6% da Sputnik V - TNOnline
Mais lidas

    Cotidiano

    Vacina Russa

    Novo estudo aponta eficácia de 91,6% da Sputnik V

    Novo estudo aponta eficácia de 91,6% da Sputnik V
    Foto por Divulgação
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 02.02.2021, 11:02:18 Editado em 02.02.2021, 11:02:34
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Um novo teste realizado pela revista médica The Lancet, apontou que o imunizante russo, Sputnik V, apresentou uma boa eficácia, imunogenicidade e segurança contra a Covid-19. A eficácia atingida pela vacina foi de 91,6%.

    O estudo contou com a participação de 19.866 voluntários, que receberam a primeira e a segunda doses do imunizante, ou seu placebo. Desse grupo, apenas 78 pessoas positivaram para a doença.

    Entre os 2.144 idosos, com mais de 60 anos, a taxa de eficácia foi de 91,8% e, portanto, não diferiu estatisticamente do grupo de 18 a 60 anos. 

    “Entre os casos analisados, mais de 98% dos voluntários desenvolveram uma resposta imune humoral e 100% uma resposta imune celular. O nível de anticorpos neutralizantes do vírus nos voluntários vacinados com Sputnik V é 1,3 a 1,5 vezes maior do que o nível de anticorpos dos pacientes que se recuperaram da Covid-19”, afirmou, em nota, o Fundo de Investimento Direto Russo (RDIF), que patrocinou o desenvolvimento da vacina.

    Se a informação obtida pelo teste for confirmada em um estudo definitivo, a Sputnik V será uma das três vacinas no mundo com eficácia acima de 90%, ao lado do imunizante da Pfizer/BioNtech, com 95%, e da vacina da Moderna, com 94,5%. 

    Com informações; CNN.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Novo estudo aponta eficácia de 91,6% da Sputnik V"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.