Mulher escapa de marido policial que a obrigava comer vidro - TNOnline
Mais lidas

    Cotidiano

    Violência

    Mulher escapa de marido policial que a obrigava comer vidro

    Foto por Reprodução
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 23.11.2020, 18:13:51 Editado em 23.11.2020, 18:19:10
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Uma mulher de 37 anos conseguiu escapar do marido que a torturava com requintes de crueldade havia quase dez anos, na cidade de Montes Claros - MG. Sábado (21), de manhã, ela pulou do carro dele em movimento em frente a um hospital e pediu socorro. A vítima relatou que foi obrigada a comer caco de vidro, além de sofrer diversas agressões, por causa de ciúmes. O acusado, é policial militar.

    A Polícia Civil de Minas Gerais investiga o caso pelas torturas física e psicológica que a mulher passou. Segundo ela, era agredida por ele desde 2012, mas só agora conseguiu escapar da violência.

    Ela detalhou no boletim policial que o homem a obrigava a ingerir vidros quebrados e a pisoteava nas sessões que incluíam murros e cortes pelo corpo. O marido usava cacos de cerâmica para cortar os braços da mulher.

    Segundo a polícia de Montes Claros, os ataques terminaram no sábado quando após buscá-la no trabalho o marido a agredia no carro. Então ela conseguiu abrir a porta e saltar do veículo em movimento correndo para dentro do hospital onde pediu ajuda e desmaiou em seguida.

    O IML constatou graves lesões na mulher que passou por exames e foi medicada. Ela foi orientada e liberada com pedido de ‘medida protetiva’ contra o agressor.

    O marido foi localizado na casa da mãe dele, resistiu a abordagem policial mas foi preso após agredir um agente que tentava imobilizá-lo.

    Da Redação com Folha de Minas

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Mulher escapa de marido policial que a obrigava comer vidro"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.