MAIS LIDAS
VER TODOS

Cotidiano

MPF estuda como liberar cerca de 400 estrangeiros retidos no aeroporto de Guarulhos

O Ministério Público Federal (MPF) está estudando como liberar cerca de 400 estrangeiros, sobretudo indianos, que permanecem na área de imigração do aeroporto internacional de Guarulhos (SP). As pessoas estão acampadas no terminal à espera da formalização

Guilherme Naldis (via Agência Estado)

·
Escrito por Guilherme Naldis (via Agência Estado)
Publicado em 12.06.2024, 18:58:00 Editado em 12.06.2024, 19:02:13
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

O Ministério Público Federal (MPF) está estudando como liberar cerca de 400 estrangeiros, sobretudo indianos, que permanecem na área de imigração do aeroporto internacional de Guarulhos (SP). As pessoas estão acampadas no terminal à espera da formalização do pedido de refúgio no Brasil.

continua após publicidade

A crise humanitária, entretanto, ainda não tem explicação oficial. O grupo de pessoas chegou a Guarulhos em diferentes voos nos últimos dias e está enfrentando falhas no Sisconare, a plataforma digital para o registro de pedidos de refúgio no País.

"A prioridade é definir as medidas necessárias para que se concluam os pedidos de refúgio o mais rápido possível. Os imigrantes estão sob condições precárias no aeroporto e precisam que as autoridades imigratórias adotem soluções com urgência", afirmou o procurador da República Guilherme Rocha Göpfert.

continua após publicidade

O MPF deve fazer uma reunião emergencial na próxima quinta-feira, 13. Devem participar representantes do Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), da Polícia Federal, da Agência da ONU para Refugiados (Acnur), da concessionária GRU Airport e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "MPF estuda como liberar cerca de 400 estrangeiros retidos no aeroporto de Guarulhos"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!