MP-GO investiga apropriação indébita e lavagem em associações religiosas de Goiás - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Cotidiano

MP-GO investiga apropriação indébita e lavagem em associações religiosas de Goiás

Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

O Ministério Público de Goiás deflagrou na manhã desta sexta-feira, 21, a Operação Vendilhões para investigar supostos crimes de organização criminosa, apropriação indébita, lavagem de dinheiro, falsificação de documentos e sonegação fiscal envolvendo diretores de entidades religiosas - Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe), Associação Filhos do Pai Eterno e Perpétuo Socorro e Associação Pai Eterno e Perpétuo.

Com apoio das Polícias Civil e Militar de Goiás, o MP-GO cumpre 16 mandados de busca e apreensão na sede das associações, empresas e residências em Goiânia e Trindade. As ordens foram expedidas pela juíza Placidina Pires, da Feitos Relativos a Organizações Criminosas e Lavagem de Capitais.

Segundo a Promotoria, a investigação foi iniciada com o encaminhamento, pelo Poder Judiciário, de cópia de inquérito policial em que o presidente Afipe, após ser vítima de extorsão, utilizou indevidamente recursos provenientes de contas das associações que preside.

O MP-GO informou que foi encontrado dinheiro nos locais das buscas, sendo que o montante ainda está sendo contabilizado. Participam da operação 20 promotores de Justiça, 52 servidores do Ministério Público, 4 delegados, 8 agentes da Polícia Civil e 61 policiais militares.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
TNTV
TribunaPlay

Confira o Jornal da Tribuna desta terça-feira

Deixe seu comentário sobre: "MP-GO investiga apropriação indébita e lavagem em associações religiosas de Goiás"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.