Cotidiano

Militar é preso por matar esposa e abandonar corpo em BR-060

A vítima foi encontrada com o pescoço quebrado e uma lesão em um dos braços

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Militar é preso por matar esposa e abandonar corpo em BR-060
fonte: Reprodução/Redes Sociais

A polícia realizou, nesta segunda-feira (7), a prisão de Tamerson Ribeiro Souza, de 31 anos, 2º sargento da Aeronáutica, suspeito de matar a esposa, a enfermeira, Natalin Nara Garcia de Freitas Maia, de 22 anos. 

continua após publicidade

O corpo da vítima foi encontrado na BR-060, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, no último domingo (6). Havia uma lesão em um dos braços de Natalin, além do pescoço quebrado.

O corpo de Natalin foi encontrado por um funcionário de uma fazenda na tarde de domingo (6). Ela não tinha nenhum documento de identificação quando foi localizada. Apesar de ter sido encontrada no domingo, Natalin teria sido morta na sexta-feira (4), segundo investigação da Deam.

continua após publicidade

Tamerson foi preso em flagrante pela Polícia Civil e encaminhado para a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) de Campo Grande.

Na delegacia, os policiais o questionaram sobre o crime e ele assumiu ter matado a mulher. 

Tamerson e Natalin eram casados desde 2016. O casal tem uma filha pequena. A filha do casal estava junto ao pai quando policiais do Grupo de Operações e Investigações (GOI) chegaram para prendê-lo. Após a prisão, a criança foi entregue à família materna.

O suspeito deve passar por audiência de custódia nesta terça-feira (8).