Cotidiano

Menino que pintava quadros para pagar tratamento morre

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Menino que pintava quadros para pagar tratamento morre
fonte: Reprodução/Redes Sociais
Menino que pintava quadros para pagar tratamento morre

Na tarde da última terça-feira (18), um menino de 13 anos morreu vítima da Covid-19. Daniel Neves foi diagnosticado com rins policísticos e fibrose hepática quando tinha oito meses de vida e, para bancar o tratamento, o garoto decidiu pintar quadros. Daniel era de Guanambi, município da Bahia. 

continua após publicidade

A morte do garoto foi confirmada pela família por meio das redes sociais. Daniel precisou ficar 13 dias internado por conta do novo coronavírus, porém o menino não resistiu à doença. “Daniel foi um anjo, um espírito de luz enviado por Deus!”, diz a postagem. “Que Deus te receba com muitas tintas, lápis, pastéis, canetinhas, anjos e cores, grande artista!”.

História

continua após publicidade

No ano de 2015, os rins de Daniel pararam de funcionar e ele teve que fazer hemodiálise. O garoto passou a pintar telas depois que sua prima comprou algumas para ajudá-lo a passar o tempo. Entretanto, dois anos depois, Neves realizou uma exposição, em Salvador, com algumas de suas obras. Desde o princípio, o objetivo do menino foi de juntar dinheiro para custear seu tratamento. 

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Daniel (@danielxneves)

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Daniel (@danielxneves)

Com informações; Metrópoles.