Cotidiano

'Lula ladrão': restaurantes têm nomes trocados no iFood

Descrição foi trocada por frases com ataques a políticos e discurso antivacina

Da Redação ·

A troca dos nomes de restaurantes cadastrados no aplicativo iFood chamou a atenção dos internautas, na noite desta terça-feira (2). A descrição foi trocada por frases com ataques a políticos e discurso antivacina, como "Lula Ladrão" e "Vacina mata". A mudança logo se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter.

continua após publicidade

Conforme a assessoria do aplicativo, o ocorrido não se trata de um caso de hackeamento, como foi apontado nas redes sociais. Eles afirmaram em nota que “aproximadamente 6% dos estabelecimentos foram afetados” e que não existe “qualquer indício de vazamento da base de dados pessoais cadastrados na plataforma”. 

Leia a íntegra:

continua após publicidade

Na noite de hoje, 2 de novembro, o iFood identificou que alguns estabelecimentos cadastrados na plataforma tiveram seus nomes alterados. Aproximadamente 6% dos estabelecimentos foram afetados. A empresa tomou medidas imediatas para sanar o problema e proteger os dados de restaurantes, consumidores e entregadores.

Em investigações preliminares, a empresa informa que não há qualquer indício de vazamento da base de dados pessoais cadastrados na plataforma, tampouco de dados de cartão de crédito.

Culpados? 

continua após publicidade

O episódio ocorreu poucos dias depois do iFood deixar de patrocinar o Flow Podcast após uma sequência de tuítes de um dos apresentadores, o youtuber Monark, em que ele questiona se “ter uma opinião racista é crime”. Assim que o caso ocorreu, os internautas ligaram as situações. 

As informações são do site Metrópoles.