Cotidiano

Jiboia 'fugitiva' é encontrada no fogão da casa onde é criada na zona oeste de SP

Raphael Preto Pereira, especial para o Estadão (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Sylas, a jiboia de 1,7 metro de comprimento que mobilizou as redes sociais na semana passada depois de supostamente ter fugido, nunca chegou a deixar a residência onde é criada em Perdizes, na zona oeste de São Paulo. O "desaparecimento" havia deixado vizinhos em alerta. O animal de estimação, que há três anos vive em um terrário, foi encontrado dentro de um fogão, na cozinha da casa onde mora com a sua dona, Bruna Magalhães, um cachorro e um gato.

continua após publicidade

Em uma publicação nas redes sociais, Bruna explicou o que aconteceu: "eu havia olhado anteriormente, mas acredito que estava numa posição que não dava pra eu ver".

"Peço desculpas pelo caos gerado pelos arredores, mas revirei a casa de ponta cabeça. A janela do quarto estava aberta e resolvi alertar a vizinhança, porque tinha medo do que poderiam fazer com ele à solta por aí sem saberem que ele é um pet", disse ainda. A jiboia arco-íris - caso de Sylas - não é peçonhenta.