Mais lidas

    Cotidiano

    Recuperação

    Idosa de 100 anos vence a Covid-19 após 17 dias internada

    Idosa de 100 anos vence a Covid-19 após 17 dias internada
    Foto por Estela Pinheiro Machado/ Arquivo pessoal
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 26.04.2021, 10:14:40 Editado em 26.04.2021, 10:15:10
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    No dia 15 deste mês, uma idosa de 100 anos recebeu alta do Hospital Estadual de Botucatu, em São Paulo, após se recuperar da Covid-19. De acordo com a família de Helena Tortorella Pinheiro Machado, a mulher precisou ficar hospitalizada por 17 dias para tratar a doença.

    “Tenho 100 anos. Não posso falar muito porque estou cansada. Estava com uma doença e, graças a Deus, consegui a cura. Estou curada do vírus porque este hospital é uma preciosidade. Funcionários dedicados e amigos. A todos o meu grande reconhecimento”, disse Helena ao receber alta.

    “Antes da Covid, minha vó cozinhava, andava e tomava banho sozinha. Ela tem uma lucidez e força inacreditável. Ficou 17 dias internada, esteve em estado grave, mas venceu a batalha após muita luta. Durante a internação, recebeu muito carinho de todos os profissionais da Unesp e do Hospital Estadual”, relatou a neta Estela Pinheiro Machado.

    Helena está recebendo tratamento em casa, com oxigênio fornecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS), comunicou a família. Ela deve passar por um tratamento de recuperação, para ganhar peso e recuperar completamente o pulmão. 

    Com informações; Metrópoles

    Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Idosa de 100 anos vence a Covid-19 após 17 dias internada"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.